• Home
  • Artigos
  • TV pré-paga vale a pena? Confira o review completo
Leitura 4 min

TV pré-paga vale a pena? Confira o review completo

Gabriela Resende, especialista do Oi Plano

Por Angelica Augusto

Especialista em Telecomunicações e Tecnologia — Oi Plano

pessoa usando controle remoto da tv

A TV pré-paga surgiu como uma alternativa mais acessível aos planos de TV por assinatura. E, assim como acontece com os planos de celular, essa modalidade busca oferecer flexibilidade para os consumidores.

Mas será que TV pré-pago vale a pena? O que muda da TV por assinatura pré-pago em relação aos planos pós-pagos?

A seguir, esclarecemos essas e outras questões para te ajudar a descobrir qual a melhor TV pré-paga!

O que é TV pré-paga?

A lógica para a oferta dos planos de TV pré-paga e pós-paga é, essencialmente, a mesma utilizada nos planos de celular.

Nos planos pré, os clientes pagam pelos serviços de forma antecipada, já nos planos pós-pagos, o pagamento é feito somente após o uso.

Ou seja, enquanto na modalidade pós-pago é exigida a assinatura de um contrato e os clientes pagam uma mensalidade fixa, correspondente ao valor do plano escolhido, na modalidade pré-pago os clientes pagam antecipadamente para ter acesso aos serviços.

O pagamento antecipado é feito através das recargas com diferentes opções de valores e períodos de validade (de 15 dias até vários meses). Portanto, na TV pré-paga, são as recargas que dão acesso aos canais e conteúdos da televisão por assinatura.

Contudo, é importante lembrar que antes de fazer uma recarga e ter acesso aos canais e conteúdos, o cliente deverá adquirir os equipamentos necessários para ter acesso ao sinal de televisão fornecido pelas operadoras.

Na modalidade pré-paga, ao adquirir os equipamentos necessários eles são seus para sempre, mesmo que você não adquira mais recargas para continuar usando os serviços da operadora.

Depois de adquirir os equipamentos é preciso solicitar a instalação. Após a instalação, o cliente deverá então entrar em contato com a operadora para solicitar a ativação do sinal nos aparelhos e o cadastro do CPF do titular.

Com isso, já é possível realizar as recargas e aproveitar os conteúdos da TV por assinatura.

Conheça a lista de serviços para os clientes Oi!

A TV assinatura pré-pago vale a pena?

O objetivo das operadoras ao oferecerem a opção pré-pago para TV por assinatura é dar uma alternativa mais em conta para quem assiste pouca televisão, mas, ocasionalmente, quer ter acesso aos conteúdos de canais pagos.

Assim, essa é uma opção muito válida para quem acessar esses conteúdos de forma pontual, sem comprometer, com isso, o orçamento familiar com mais uma despesa fixa.

A TV pré-paga também tem sido muito usada por famílias em viagens de férias para sítios e casas de passeio, pois com essa alternativa é possível contratar o serviço somente enquanto for durar o período de descanso.

Especialmente nos casos nos quais os clientes não utilizam o serviço diariamente por um período prolongado, a TV pré-paga vale sim a pena. 

Para entender o porquê, basta estimar e comparar o custo de fazer algumas recargas com o custo das mensalidades de um plano pós-pago pelo período de ao menos 12 meses.

Quais as vantagens e desvantagens da TV pré-paga?

Para facilitar a sua escolha e te ajudar a descobrir qual a melhor TV pré-paga, vamos então abordar as principais vantagens e desvantagens da modalidade!

Vantagens da TV pré-paga

As principais vantagens da TV pré-paga para os consumidores são:

  • não exigência de fidelidade ― o serviço é contratado sob demanda, não exigindo prazo de fidelização ou pagamento de mensalidades;
  • flexibilidade ― Nos planos de TV pré-pago, os clientes têm mais flexibilidade para escolher a quais canais terão acesso  e para controlar o quanto vão gastar com o serviço, de acordo com a recarga realizada;
  • equipamentos ― Enquanto nos planos pós os equipamentos como antena e conversor digital são emprestados pela operadora, nos planos pré o cliente é o dono dos equipamentos.

Desvantagens da TV pré-paga

Já as desvantagens da TV pré-paga são, basicamente:

  • custos de manutenção ― Os equipamentos necessários costumam ter garantia de 12 meses, contudo, após esse período, qualquer custo de manutenção deve ser arcado pelo cliente;
  • tempo para validação de recarga ― As recargas não são validadas automaticamente, pois as operadoras têm até 24 horas para ativar o sinal no equipamento adquirido.

O que você achou da TV pré-paga? Essa alternativa atende às suas necessidades? Quer ter acesso a mais informações sobre os planos de TV pré e pós-paga? Então aproveite esse momento para saber mais sobre os planos Oi TV!

Quem escreve

Gabriela Resende, especialista do Oi Plano

Angelica Augusto

Especialista em Telecomunicações e Tecnologia — Oi Plano

Graduada em Comunicação Social — Relações Públicas (FECAP), Angelica Augusto é redatora de SEO e conteúdo para web dos segmentos de tecnologia e telecomunicações.